26.4.10

26.3.10

Bora lá!!!!!

Apanhar tosgas em conjunto
Ou um conjunto de tosgas,
Antes isso que defunto,
E livrar-se deste mundo
Sem ter gozado umas borgas.

Vocês sabem que eu sou seca
E que falo pelos cotovelos
Chamem-lhe sorte marreca,
Após a primeira bejeca
Já estarão pelos cabelos.

Se as saudades matassem
Morta e seca já estaria
Se as paredes falassem
E em surdina vos contassem
A solidão do dia-a-dia.

Veriam como é urgente
Ter-vos por companhia
Aonde, é-me indiferente
Importa é estar contente,
E fugir da monotonia.

Seja por Dionísio ou Baco
Seja ele branco ou tinto
Sem ser forte, nem fraco
De uva fina e de bom trato,
Diremos: venham mais cinco.

O “nosso” Chef que não diga:
- Agora não me dá jeito...
Hás-de fartar-nos a barriga
Com boa comida e bebida
E muita alegria a preceito.

Vós sois meus amigos do peito
E de vós não abro mão
Quero ter-vos sempre a jeito
Pois fazeis tudo tão bem feito
Que vai directo ao coração.

Organizem lá uma data
E convoquem a reinação
O que engorda já não mata,
Nem que seja uma batata
Metida dentro de um pão...

Ivamarle, 26.03.10

Uma realidade inconveniente



Com o tempo chamado “morto” que tenho como bibliotecária (temporária), fruto das horas tardias em que trabalho, deixei-me invadir pela nostalgia e revisitei os lugares da memória, construídos em blogs vários dos amigos do costume, também eles nascidos nestes espaços.
Dei comigo a ler-me sem me aperceber que aquelas palavras eram minhas, o encadeamento do raciocínio era outro e fico pasmada com a facilidade com que a escrita fluía em resposta aos desafios que íamos colocando uns aos outros...
Parece que actualmente já temos pouco para dizer, será? No meu caso, é-o de facto, não sei se por falta de estímulo ou por não saber para onde fui, ou melhor, onde é que estou afinal...dei-me conta de que estou perdida num limbo onde nada floresce, ou serei eu que à força de tanto querer a perfeição, nada do que surge me satisfaz e dou-me por derrotada à partida.
Disperso-me...qualquer interrupção é fatal e as palavras ficam atabalhoadas, presas num raciocínio disforme que nada consegue construir, as ideias desmaiadas não encontram margens que as guiem...
A Elipse regressou ao meu quotidiano, talvez ela com as suas palavras me consiga instigar as frases, ordenar as ideias e fazer desaparecer de mim este opróbrio que me angustia. Sinto-me leve ao lê-la e não me canso nunca de o fazer, assim como nunca me cansaram as Revelações Avulsas que releio e revejo com carinho, ou o Negativo.
Gostaria de mudar esta realidade, de trazer de volta os contactos próximos, as palavras adiadas e a leveza que deixei algures pelo caminho. Até lá continuarei a deliciar-me com os passeios pelos blogs meio adormecidos ou em estado de coma, como é o caso do meu...

19.2.10

A última restauração


Quem diria que "isto" é de cross?
E a próxima a apresentar será a minha Honda Amigo, igual à primeira que ele me deu que também ficou como nova, assim ficam as nove motas novinhas, sendo sete de colecção...

7.2.10

À procura do jogo das cartas do Scrable descobrimos o jogo das cartas do Monopoly. Muito mais giro e rápido, sim rápido. É um bocado dificil de entender as regras lendo, mas, tal como recomendam as instruções, nada que em três ou quatro jogos não se aprenda. 

5.2.10

Desculpem lá insistir em alienar-me do FB mas até vos trago uma boa notícia, deixem-vos estar por lá a brincar às agriculturas porque fazem muito bem, diz a revista "ingenium" da ordem dos engenheiros, que o jogo FARMVILLE foi desenvolvido para os utilizadores ganharem competências em engenharia agrícola, uma espécie de NOVAS OPORTUNIDADES, digo eu, por isso vá, mais uns mesinhos e ficam licenciados, depois é só fazer o exame à ordem. Diz também que qualquer dúvida no jogo visitem o blogue da Marta Segadães, que deve ser a directora da instituição que confere os diplomas, digo eu. Até breve colegas!

19.1.10



Muitos Parabéns :-D

12.1.10

Alguém me elucida????



Aqui na ESEC existe esta árvore que acho belíssima e nunca vi em mais lado nenhum; estamos em Janeiro e ela, desde Novembro que tem ao mesmo tempo, flores lindas lilases e frutos...vou experimentar levar umas sementes para o candam, mas com os camadões de geada que lá caem, duvido que pegue...
Mas, por favor alguém me diga que árvore é!!!!!!!!!!!!!!

1.1.10

24.12.09

A intenção era um video mas não sei porquê não está cá o icon de carregar videos..


BOM NATAL!

9.12.09


Ai um bicho a comer medronhos.